ENFERMAGEM INTENSIVA

ENFERMAGEM INTENSIVA

sábado, 12 de março de 2011

CÁLCULOS DE MEDICAÇÕES

REVISÃO DE REGRA DE TRÊS SIMPLES

Regra de três simples é o procedimento para resolver um problema que envolva quatro valores de duas grandezas relacionadas onde conhecemos três e determinamos outra.


REVISÃO DE REGRA DE TRÊS SIMPLES

Para montarmos a regra de três simples, devemos saber ler o que o produto nos informa quanto suas grandezas. Essa prática é aplicada para qualquer medicação que utilize regra de três.


LEITURA DE RÓTULO

Neste exemplo temos: 20ml de produto para Cada 1 ml

DICA: Sempre que na leitura do rótulo existir por 1 ml.

? mg / ml, significa


GRUPO DE GRANDEZAS
5ml

100mg

100ml


Grandezas iguais: 100ml e 5ml Grandezas diferentes: 100mg


LEITURA DE RÓTULO

Neste exemplo temos: 100mg do produto em 5ml

O vidro contém 100ml do produto total

PROBLEMA

a-) Tenho um vidro de xarope de 100ml com 100mg a cada 5ml. Quantas mg o vidro do xarope possui?
1 ) coloca-se grandezas iguais embaixo de grandezas iguais.
2 ) a pergunta do problema é sempre representado por X


100mg 5ml X mg 100ml


PROBLEMA

3 ) Multiplica-se em X
4 ) Transforma-se em divisão 5º) Obten-se o resultado


100mg 5ml X mg 100ml x.5 5x X = = 100.100 10.000 5


passa dividindo


10000 5 = 10000 5 X= 2000mg

RESPOSTA No vidro de xarope existem 2000mg de um determinado produto


APLICAÇÃO A UMA PRESCRIÇÃO

1-) Foram prescritos 500mg VO de Keflex suspensão de 6/6h. Tenho no posto de enfermagem vidros de 60ml de Keflex de 250mg/5ml.Quantos ml devemos administrar?

Montando a regra de três 1ª linha 2ª linha -Tenho PM

250mg 5ml 500mg X ml x . 250 = 500.5 x . 250 = 2500 x = 2500 250 X = 10 ml

RESPOSTA: Devo administrar 10 ml da suspensão de Keflex.


COMPRIMIDOS

Para o cálculo de medicamento com comprimidos, é necessário:
1-) Ler o rótulo do medicamento
2-) Observar se o medicamento é sulcado
3-) Se no medicamneto não for sulcado, deve-se massera-lo por inteiro e acrescer ml de água, cuja quantidade seja de fácil divisão.


COMPRIMIDOS

Leitura do rótulo: 300mg - 50 comprimidos


COMPRIMIDOS

Medicamento sulcado: pode ser dividido sem diluição Medicamento não sulcado: deve ser masserado e diluído

Medicamento sulcado

Medicamento não sulcado


APLICAÇÃO A PRESCISÇÃO

1-) Foram prescritos 150 mg de carbolim VO de 12/12h. Tenho no posto de enfermagem comprimidos sulcados de 300mg.Como devo proceder?
Esse procedimento só pode ser usado quando a divisão for exata. Carbolim de 300mg, onde cada lado possui 150mg
RESPOSTA: Devo cortar o medicamento ao meio e administrar metade que equivale a 150mg.


APLICAÇÃO A PRESCRIÇÃO

2-) Foram prescritos 125mg de vitamina C VO às refeições. Temos no posto de enfermagem comprimidos de 500mg. Como devo proceder?

1º) O medicamento não é sulcado

2 ) Devo massera-lo


APLICAÇÃO A PRESCRIÇÃO

3 ) Após esmagar o medicamento, devese acrescentar o solvente (água) que ficará a seu critério. Lembre-se: quantidade muito grande podem dificultar sua administração para crianças ou idosos. Procure sempre utilizar números que facilitem a divisão, exemplo 10.


APLICAÇÃO A PRESCRIÇÃO

Neste caso utilizaremos 10 ml de água como solvente.
1ª linha 2ª linha tenho PM

500 mg 10ml 125 mg X ml X . 500 = 125 . 10 X . 500 = 1250 X = 1250 500 X = 2,5 ml

RESPOSTA: Devo administrar 2,5 ml da solução preparada


IMPORTANTE:O COMPRIMIDO MESMO QUE DILUÍDO NÃO DEVE SER ADMINISTRADO EM HIPÓTESE NENHUMA POR VIA ENDOVENOSA.


AMPOLAS

Medicações em ampolas já vem diluídas, sendo necessário estar atento a quantidade que deve ser administrada e a coloração das ampolas. Ampolas de cor escura significa que a medicação é reagente a luz.


APLICAÇÃO A PRESCRIÇÃO

1-) Foi prescrito 1/3 de ampola de Plasil EV s/n. Tenho no posto de enfermagem ampolas de 2ml. Quanto devemos administrar?

1 ) 1/3 significa dividir em três partes e consumir uma parte.
2 ) A ampola contém 2ml, isso não dará uma divisão de fácil administração e sim uma dízima pois o resultado é de 0,66. Ml cada parte.
3 ) O que devo fazer?


APLICAÇÃO A PRESCRIÇÃO

4 ) Devemos rediluir a ampola acrescentando ml de água em quantidade, cuja divisão por três de um número inteiro. Exemplo:
a-)Tenho 2ml 3ml = 1ml adiciono 1ml
b-) Tenho adiciono 2ml 7ml 9ml = 3ml


IMPORTANTE
O PLASIL É UM MEDICAÇÃO QUE QUEIMA NA VEIA AO SER INFUNDIDA, POR ISSO ELA DEVE SER INFUNDIDA COM UMA QUANTIDADE DE ÁGUA ACIMA DE 5ML.

FRASCO AMPOLA

A medicação é apresentada em pó e deve ser diluida para a administração conforme prescição médica. Deve-se estar atento, pois existe frascos ampolas que possui seu diluente apropriado. Exemplo: omeoprazol.


APLICAÇÃO A PRESCRIÇÃO

Devemos administrar 400mg de Cefalotina EV de 6/6h. Tenho no posto de enfermagem fr/amp de 1g. Como devo proceder?
pó gramas

1ª linha Tenho pó = 1g 2ª linha PM EV = 400 mg líquido microgramas

duas grandeza diferentes e duas formas de apresentações


O QUE FAZER ?

1 ) Deve-se transformar grama em micrograma. 1g = 1000 mg
2 ) Deve-se transformar o pó em líquido acrescentando água ou soro fisiológico 0,9%


TRANSFORMAÇÃO

1ª linha Tenho pó = 1g

1000 mg

10 ml de água ou soro fisiológico 0,9%

1000 mg 10 ml


CÁLCULO DA MEDICAÇÃO

1ª linha Tenho 1000 mg 10 ml 2ª linha PM 400 mg X ml X . 1000 = 400 . 10 X . 1000 = 4000 X = 4000 1000 X = 4 ml

RESPOSTA: Devemos administrar 4 ml da solução


CÁLCULO DE PENICILINA

1-) Temos que administrar 2 000 000UI de Penicilina Cristalina EV de 4/4h. Tenho no posto de enfermagem apenas fr/amp de 5 000 000UI. Quanto devemos administrar? Apresentação do produto:5 000 000 UI de pó que equivale á 2ml.


CÁLCULO DE PENICILINA

1 ) Precisamos diluir o soluto (pó).
2 ) Tenho 5 000 000 UI = 2ml de pó + 8 ml de AD

Tenho PM

5 000 000UI 10ml 2 000 000UI X ml x . 5 000 000 = 2 000 000 . 10 X . 5 000 000 = 20 000 000 x = 20 000 000 5 000 000 X = 4 ml

RESPOSTA: Vou diluir em 8ml de AD a Penicilina Cristalina de 5 000 000UI e Utilizar 4ml desta solução.
QUALQUER DÚVIDA ENTREM EM CONTATO..ABRAÇOS

Nenhum comentário:

Postar um comentário